Agendamentos:

(11) 95637-4311


Endereços a sua escolha:

✔ Av. Santo Amaro, 4644 cj 206
Brooklin - SP

Implantes e os Bifosfonatos

O paciente interessado em colocar implantes dentários, primeiramente passa por uma criteriosa avaliação do cirurgião implantodontista para assegurar que ele é um bom candidato a recebê-los.  Um dos critérios avaliados é o uso contínuo de medicamentos, principalmente os utilizados para tratamentos de doenças relacionadas com a perda mineral óssea, como a osteoporose e alguns tipos de câncer.

Alguns medicamentos utilizados para tratamento dessas doenças possuem substâncias da classe dos bifosfonatos, que têm a função de fortalecer a matriz óssea tornando-a mais resistentes à fraturas. Porém, a formação óssea em excesso na região da mandíbula e dos maxilares dificulta a nutrição do osso e a perfuração para colocação de implantes dentários nessas condições pode causar uma osteonecrose e a perda definitiva dos implantes, além de outras complicações.

Portanto, o uso contínuo destas substâncias é contra indicado nos meses anteriores e posteriores a cirurgia para colocação de implantes dentários.

É extremamente importante que o paciente seja sincero em declarar ao cirurgião implantodontista sobre qualquer medicamento que esteja tomando antes de se submeter à uma cirurgia odontológica.

O tratamento deve ser feito em integração com o médico que receitou o medicamento e ele deve avaliar possibilidade de suspendê-lo por um determinado tempo (pelo menos três meses antes e três meses após a cirurgia). O médico também devera solicitar exames laboratoriais para monitoramento das substâncias no organismo e exames de imagem para avaliar as atuais condições ósseas da mandíbula e maxilares.

Principais substâncias da classe dos Bifosfonatos que podem estar presentes em medicamentos e merecem atenção antes da cirurgia de implantes dentários:

Alendronato de sódio

Etidronato de sódio

Ibandronato de sódio

Pamidronato

Risedronato de sódio

Tiludronato de sódio

Ácido zoledrônico

Clodronato

Ácido Alendrônico

Postado por:

Implante Imediato

Essa é uma dúvida comum em pacientes que necessitam extrair um ou mais dentes em consequência de uma infecção ou outros acometimentos, e gostaria de substituí-los por implantes e próteses fixas em seguida.

De uma forma geral, os implantes dentários podem ser colocados no lugar de dentes extraídos por infecção, com doença periodontal pré-existente, cistos ou lesões, desde que não haja grande comprometimento da estrutura óssea e gengival. Essa técnica é chamada de implante imediato e tem baixa probabilidade de insucesso. A rapidez desse processo é uma forma de garantir conforto e autoestima ao paciente nessas situações, porque ele não precisa mais ficar sem dentes em nenhum momento.Executivo

As principais infecções e acometimentos que podem resultar em uma extração dentária são: cárie em estágio avançado, periodontite, fratura grave, e em alguns casos quando o canal está infeccionado, danificado ou morto.

Obviamente, o implante imediato pós-infecção exige cuidados extras na execução e manutenção, tanto do implantodontista, quanto do paciente. A seriedade do implantodontista se deve no controle total da doença que causou a extração, que vai desde a limpeza mecânica e química da área até a prescrição de antibióticos no pré e pós-operatório para prevenção de infecções.  Já com relação ao paciente, cabe-lhe tomar a medicação prescrita de forma correta, a cautela com o esforço mastigatório nos primeiros meses, o cuidado redobrado com a higienização oral adequada (no pré e pós-operatório e ao longo dos anos) e comparecimento às visitas regulares ao consultório odontológico para devidas manutenções

Quando há um comprometimento mais extenso da estrutura óssea e gengival (a preservação dessas estruturas são essenciais para receber e sustentar os implantes), é possível que o cirurgião prepare a área e aguarde que o organismo inicie uma regeneração óssea naturalmente e formar a estrutura ideal para colocação dos implantes, evitando assim a necessidade de reconstrução por enxertos ósseos. Esse processo pode levar de 3 a 6 meses, portanto, exige paciência. Em últimos casos, a recomendação pode ser a reconstrução da estrutura óssea com enxertos naturais ou sintéticos.

A técnica de implante imediato para substituição de dentes infeccionados exige predisposição e um pouco mais de paciência, mas tem tudo para ser um sucesso.

 

Postado por:

Implantes Dentários são melhores que dentes naturais?

Dentes naturais são sempre melhores que implantes dentários, desde que estejam saudáveis e cumprindo bem suas funções.

Mas existem alguns casos em que o dente natural com problema crônico, como a doença periodontal em estágio avançado, precise ser extraído porque já não cumpre sua função corretamente. Dentes com doença periodontal avançada podem ficar móveis, atrapalhando a mastigação, prejudicando o visual do sorriso e o hálito. Esse é exemplo de que o implante dentário é a melhor solução diante de um dente natural. Na inevitável necessidade de extração, o implante dentário tem a missão de substituir a raiz dentária, enquanto que a prótese substitui perfeitamente o dente em função e estética, devolvendo a tranquilidade para ao paciente para mastigar e sorrir.

Implantes

Implantes

Não é recomendado que se extraia um dente e deixe o espaço vazio. Essa recomendação é para evitar problemas futuros, já que ausência de dentes, mesmo que seja apenas de um elemento dentário, pode desencadear o desalinhamento dos dentes remanescentes ao longo dos anos.

O paciente que recebe implante dentário e prótese fixa pode relatar pequenas diferenças se comparando com dentes naturais, mas vale lembrar que esse conjunto ainda é a melhor recomendação para suprir ausência dos dentes.  Prótese móvel (dentadura) pode machucar se não for bem projetada para o paciente, que fica com dificuldade de adaptação e o pior, pode senti-la móvel durante a fala e a mastigação.

Postado por:

Carga imediata: Qual a diferença de um tratamento com implante dentário.

 

IMAGES_0007529_1Todas as pessoas que utilizam próteses removíveis, devido a perda de dentes e problemas em sua arcada dentária, têm o desejo de reconstituir seu sorriso e poder mostrá-lo sem medo. As técnicas utilizadas atualmente, carga imediata e carga tardia, são muito eficazes e atendem as necessidades dos pacientes.

Nos dois tratamentos são colocados cinco ou seis implantes que vão fixar a prótese dentária que vai estruturar os novos dentes, mas o que diferencia um do outro é o tempo, a duração do procedimento completo.

Na carga imediata, o paciente pode sair com seus novos dentes no mesmo dia em que os implantes foram feitos. Logo depois da colocação dos implantes a prótese final já pode ser fixada, dependendo do caso, ou alguns dias depois da cirurgia.

Na Fórmula Odonto realizamos preferencialmente uma prótese provisória, visto que a gengiva e o osso irão mudar de formato com o tempo. Sendo necessária a realização de ajustes no formato da prótese.

Já na carga tardia, com a colocação dos implantes o paciente precisa esperar de três a seis meses, para a mandíbula superior e inferior, respectivamente, para que a prótese seja colocada. Durante o período de osseointegração, a pessoa utiliza uma prótese provisória fixa ou removível.

Em todos os casos é preciso realizar uma avaliação detalhada para determinar qual técnica é mais eficaz e benéfica. O dentista especializado em implantodontia é o profissional mais indicado para realizar o procedimento e decidir como o tratamento será realizado.

Palavras-chave: carga imediata, carga tardia, dentes, sorriso, implante dentário, prótese fixa, prótese móvel, dentista, implantodontia, implante, osseointegração

Postado por:
  • Na Fórmula Odonto, você encontra profissionais que praticam a nova odontologia e que buscam mantê-los o mais distante possível dos eternos tratamentos curativos que, muitas vezes, são incômodos e caros.

    by

Odontologia Estética

Odontologia EstéticaOdontologia Estética

Trata dos aspectos estéticos do tratamento dentário, envolvendo as restaurações estéticas, clareamento, facetas de porcelana, lentes de contato dentais entre outros procedimentos.

Implantes

ImplantesImplantes

Um implante dentário consiste na substituição de uma raiz natural perdida por uma raiz artificial em titânio, e posterior inserção das coroas unitárias ou próteses.

Clareamento dental

Clareamento dentalClareamento dental

O mais avançado Clareamento dental. O clareamento está indicado para pessoas que tenham os dentes amarelados e queiram melhorar sua aparência.

Ortodontia

OrtodontiaOrtodontia

Essa especialidade odontológica se preocupa com o estudo e tratamento da mordida inadequada, que pode provocar irregularidades nos dentes, dores articulares e de cabeça.

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram